13.2.08

Dossel


Sob um dossel lhe amei
Cobri seu corpo com baldaquinos
Sustentei-me em suas mãos

Sob um dossel lhe amei
Enquanto o céu anuvia-se
Fastiando-se de nós

Sob um dossel lhe amei
Compreendendo todo o mistério
Enquanto você bramava-me

Sob um dossel lhe amei
Entendendo que o tempo se esvai
Quanto não estou sozinho

Sob um dossel lhe amei
Ouvindo-lhe
Fazendo-me lembrança

Sob um dossel lhe amei
Um dossel arenoso

...Sob o céu

"Viviani Ketely"